O presidente da República, Jair Bolsonaro, celebrou em sua conta no Twitter uma suposta “união” entre Executivo, Legislativo e Judiciário nos esforços para combater a disseminação do coronavírus, que provoca a doença conhecida como covid-19. “Todos juntos! Com a união dos Poderes Executivos, Legislativo, Judiciário e população, venceremos!”, tuitou Bolsonaro, que aproveitou a postagem para também divulgar a liberação de R$ 432 milhões para “reforçar ações contra o covid-19”.

BAIXE AQUI o guia de informações essenciais sobre o Coronavírus.

Todos juntos! Com a união dos Poderes Executivos, Legislativo, Judiciário e população, venceremos! Governo Federal libera mais R$432mi a estados p/reforçar ações contra o Covid19. Veja como gestores podem usar o recurso p/ proteger a saúde dos brasileiros.

A tentativa de Bolsonaro em demonstrar união entre os poderes contrasta com as críticas públicas trocadas entre ele e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ) e do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

No domingo, Alcolumbre e Maia questionaram a maneira com que Bolsonaro tem conduzido a crise de saúde pública atual.

Pelo Twitter, Maia disse que o presidente “faz pouco caso da pandemia” e está desinteressado quanto a “saúde da população”. Bolsonaro respondeu de forma irônica, convidando os parlamentares a irem às ruas para ouvir o que os populares tem a dizer a eles.

O mundo está passando por uma crise sem precedentes. O Banco Central americano e o da Nova Zelândia acabam de baixar os juros; na Alemanha e na Espanha, os governos decretam o fechamento das fronteiras. Há um esforço global para conter o vírus e a crise.

Na segunda, 16, Maia, Alcolumbre e Dias Toffoli, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) se reuniram sem Bolsonaro para discutir medidas contra o coronavírus.