Foi publicado na noite de ontem, 14, um decreto do Governo do Amazonas que suspende as provas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A determinação surge em decorrência do surto de covid-19 no estado, com isso, os exames não poderão ser aplicados nos dias 17 e 24 deste mês.

Justiça Federal do Amazonas já havia suspendido a realização das provas no estado na última quarta-feira, 14. A decisão liminar expedida pelo juiz José Ricardo de Sales estabeleceu que as avaliações devem ficar suspensas enquanto durar o estado de calamidade pública decretado pelo poder executivo estadual, sob pena de multa de R$ 100 mil por dia de descumprimento, até o limite de 30 dias.

Na quinta-feira, 14, o Governo Federal recorreu por meio de ação da Advocacia-Geral da União (AGU), para tentar realizar as provas no estado, mas ainda não houve nova decisão da Justiça.

O decreto do Governo do Amazonas confirma a suspensão do Enem em todo o estado e proíbe o acesso de qualquer pessoa não autorizada às escolas públicas estaduais.

Com informações do G1