Na noite de quinta-feira, 19, foi realizado o primeiro debate na televisão aberta entre Edmilson Rodrigues (PSOL) e Delegado Eguchi (Patriota), os dois candidatos que disputam o segundo turno da eleição municipal 2020, visando à Prefeitura de Belém. O debate foi promovido pelo grupo RBA.

No programa, Edmilson acusou que um irmão de Eguchi teria sido preso em uma operação contra a venda ilegal de madeiras. O que é mentira.

Na manhã desta sexta-feira, 20, Edmilson desmentiu a informação no perfil dele no Facebook.

Postagem do candidato Edmilson Rodrigues (Psol) na manhã desta sexta-feira, 20

“Apesar da informação sobre o seu envolvimento nesta operação ser absolutamente verdadeira, não procede a afirmação de que ele teria sido preso. Por isso, peço desculpas ao candidato e, principalmente, ao seu irmão e à sua família pelo erro cometido”, disse na postagem.

No primeiro turno das eleições municipais, no último domingo (15), Edmilson Rodrigues teve 34,22% dos votos (248.751). Já o delegado federal Eguchi teve 23,06% (167.599).

Fonte: Pará Web News