Vindo de duas derrotas no Campeonato Brasileiro de Aspirantes, o Paysandu terá a chance de se reabilitar dentro da competição nesta quinta-feira, 5, às 15h, em duelo com o Fluminense no Estádio das Laranjeiras, no Rio de Janeiro. Na quarta colocação do Grupo A com seis pontos, o Papão quer voltar a encontrar o caminho das vitórias. Para isso, o goleiro André Grandi reforça que a equipe está pronta para encarar qualquer adversário dentro do torneio sub-23.

“Para ser bem sincero, eu acredito que não (estamos abaixo dos demais times). No primeiro tempo contra o Corinthians, nós fomos, na minha visão, superior e a primeira parte terminou empatada em 2 a 2. No final do acabamos perdendo, mas eu vi um jogo muito parelho. A nossa equipe vem muito bem preparada para jogar contra qualquer que seja o adversário. Nos últimos dois jogos eu vi a equipe muito bem, independente do resultado. Claro, que com o resultado negativos acabam aparecendo alguns detalhes que com as vitórias talvez não apareçam. Mas é seguir concentrado, bem preparado para entrar neste jogo de amanhã e conseguir sair de lá com os três pontos e voltar para casa bem tranquilo.”, disse.

O goleiro foi contratado no início de agosto para integrar a equipe principal que disputa o Campeonato Brasileiro da Série C. Com apenas 23 anos, ele não vinha sendo utilizado no time de cima, onde as opções principais são Gabriel Leite e Paulo Ricardo. A ascensão de Paulo Ricardo, inclusive, ao posto de titular da equipe nos últimos jogos da Série C, vem servindo de inspiração para André, que entende que quando a oportunidade aparece, é preciso agarrá-la. 

“A ida do Paulo Ricardo para a condição de titular faz com que os goleiros jovens vejam que talvez a experiência seja sim muito importante, mas a oportunidade está aqui na nossa frente e com muito trabalho e dedicação, ela acaba aparecendo. O Paulo Ricardo fez jus e está indo muito bem nesses jogos em que foi titular”, concluiu.