Com 35 anos, o lateral esquerdo Marlon é um dos jogadores mais experientes do atual elenco do Clube do Remo. Com passagens pelo Vasco, Santo André, Criciúma e até mesmo o Paysandu, ele sabe o caminho que o Leão tem que seguir para alcançar o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro.

O próximo adversário do Remo na Terceirona é o Vila Nova, um candidato direto por vaga no G4. Com toda a experiência ao longo desses anos, Marlon sabe que o time deve errar o mínimo possível. “Foi bem falado, a gente tem que minimizar os erros, sabendo que vamos jogar contra uma equipe muito forte que é o Vila Nova. A gente tem que pensar jogo a jogo. Temos que focar no Vila, pra trazer um bom resultado e depois os dois jogos dentro de casa. Vamos estudar a equipe deles, depois sair pro jogo e explorar os nossos pontos fortes e tentar concluir em gol”, disse.

Questionado sobre as frequentes tentativas de finalizações de fora da área, o lateral afirmou que o time tem essa característica, com jogadores que batem bem na bola. “Temos vários jogadores que chutam bem de fora da área. Eu, Charles, o Lucas batemos bem na bola. A hora que pinta oportunidade a gente arrisca e consegue concluir bem”.

Com três assistências só na última partida, Marlon ainda garantiu que há muito o que evoluir. “Sabemos que o momento é bom, mas jogador de alto nível tem que melhorar. Procuro sempre isso pra ajudar meus companheiros. Eu sempre trabalho, penso nos jogos. Tô vivendo um bom momento”.