A vacina contra a covid-19 será liberada no menor tempo possível, afirmou o diretor-presidente interino da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), Antonio Barra Torres, nesta segunda-feira, 19. 

Ao ser sabatinado no Senado na tarde de hoje para concorrer ao cargo, Antonio disse que não é possível dar uma data para a vacina.

“Esta agência dará a resposta no melhor tempo, o menor possível, é claro. Porque nós temos, todos nós, familiares, parentes que já faleceram por causa dessa doença. Então, o nosso interesse é institucional e, é claro, também pessoal, como cidadãos”, disse.