Leila Cravo, atriz e ex-apresentadora do Fantástico, morreu aos 66 anos. Ela sentiu fortes dores no peito no dia 5 de agosto e foi levada ao hospital, mas não resistiu e morreu no mesmo dia. A morte da atriz só foi publicada pelo colunista Paulo Sampaio, do UOL, nesta sexta-feira (2), quase dois meses após a fatalidade.

A atriz e apresentadora estava internada com pneumonia e fortes dores abdominais. Ela perdeu a luta para uma infecção generalizada.

Leila foi considerada um símbolo sexual e teve a carreira marcada por apresentar o “Fantástico”, além de protagonizar uma queda misteriosa da suíte presidencial de um motel de alta rotatividade na zona sul do Rio de Janeiro. Ela sobreviveu a uma queda de 18 metros de altura e virou manchete em jornais de todo o País.

A carreira de Leila passou pelo cinema, tendo início em pornochanchadas, depois foi para a TV, quando fez uma ponta novela ‘O Semideus’, em 1973.