O índice de isolamento social no Pará registrado neste domingo, 12, alcançou a taxa de 58,8%, de acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará (Segup), por meio da Secretaria Adjunta de Inteligência e Análise Criminal (Siac). 

O Pará ficou na 16ª posição em comparação com outros estados brasileiros. Na última sexta-feira, 10, o índice de isolamento social no território paraense era de 59%, deixando o Estado entre os 10 melhores do pais. Já no sábado, os números foram alarmantes e fizeram com que o Pará ficasse em 13º. 

Segundo o secretário de Segurança Pública do Pará, Ualame Machado, ainda com a taxa mais positiva é preciso manter todas as medidas de proteção. “Na sexta-feira, o Pará ficou entre os 10 melhores estados, embora a recomendação dos organismos de saúde ser de pelo menos 70% da população em casa. No sábado, nós tivemos uma queda muito grande que levou o Pará a 13º colocado. Já no domingo, tivemos uma leve melhora do número qualitativo, bem próximo da sexta-feira, porém fomos o 16º estado em isolamento social, o que demonstra, mais uma vez, a necessidade da consciência da população”, ressaltou o titular da Segup.

Municípios

De acordo com o levantamento, ao analisar as cidades paraenses, os três melhores índices de isolamento, ou seja, onde as pessoas passaram mais tempo em casa respeitando o distanciamento, estão nos municípios de Chaves (87,7%), Inhangapi (75,3%) e Terra Alta (74,4%). Os piores índices são nos municípios de Curuá (44,4%), Quatipuru (45,5%) e Goianésia do Pará (46,1%).

Descentralização 

Os municípios de Marabá, Santarém e Breves irão abrigar Hospitais de Campanha para receber pacientes contaminados pela Covid-19. Nessas cidades, a taxa de isolamento esteve, no domingo, com 60,5%, 55,7% e 57,9%, respectivamente.

Belém e Ananindeua 

Em Belém, incluindo os distritos, os bairros com as maiores taxas de concentração em casa no domingo (12) foram: Castanheira (76,1%), Águas Lindas (75,6%) e Val-de-Cães (71,4%). Já os bairros onde as pessoas desobedeceram à recomendação de ficar em casa, registrando um baixo índice de isolamento, foram: Pratinha (37,2%), São João do Outeiro (45,5%) e Tapanã (46,5%).

Em Ananindeua, os melhores índices foram registrados nos bairros Jaderlândia (78,3%), Atalaia (77,6%) e Jiboia Branca (76,6%). O piores índices foram observados nos bairros Júlia Seffer (47,3%), Águas Brancas (47,9%) e Aurá (54,4%).

No sábado, a capital registrou índice de 59,3% e Ananindeua 60,9%.

Índices de isolamento por bairro em Belém no domingo (12):

Melhores

Castanheira  (76,1%)
Águas lindas (75,6%)
Val-de-Cães (71,4%)

Piores

Pratinha (37,2%)
São João do Outeiro (45,5%)
Tapanã (46,5%)

Índices de isolamento por bairro em Ananindeua no domingo (12):

Melhores

Jaderlândia (78,3%)
Atalaia (77,6%)
Jiboia Branca (76,6%)

Piores

Julia Seffer (47,3%)
Águas Brancas (47,9%)
Aurá (50,4%)