Acusado de cometer homicídios em Bragança e conhecido por articular ataques a vigilantes noturnos, Lucas Menezes de Oliveira foi preso na última quarta-feira (01) após reagir contra policiais militares que tinham ido cumprir mandado de prisão contra ele. De acordo com informações da Polícia Civil, o investigador Marituba levantava o endereço do suspeito, em Marituba, para cumprir o mandado de prisão que estava em aberto pelo latrocínio contra o vigilante João Batista Monteiro da Silva, cometido em Bragança.

O investigador teria conseguido identificar Lucas e pediu apoio à equipe de plantão da Seccional Urbana de Marituba para cumprir o mandado. Durante a abordagem, o acusado recebeu a equipe a tiros e os policiais reagiram, atingindo o suspeito no tórax. Lucas foi socorrido para o hospital e não evoluiu a óbito. Uma arma ponto 40 foi apreendida com ele.

Segundo investigações da Polícia Civil, Lucas já responde a diversos processos judiciais na comarca de Bragança, mas respondia a todos em liberdade. Ele é conhecido por articular e participar de ataques a vigilantes noturnos no município. Ele também seria integrante do Comando Vermelho (CV).