Apesar da decretação de calamidade pública pelo governo federal e pelo governo do Pará, há lideranças de denominações religiosas insistindo em manter as portas de grandes templos abertos na pandemia de coronavírus. Pior ainda quando essa liderança é uma das dirigentes da administração estadual. 

A presidente do principal programa de atendimento social do governo do Pará, a Fundação Pará Paz, a pastora Ray Tavares, além de manter a igreja que ela o marido dirigem na Cidade Nova, em Ananindeua, funcionando, ainda induzem exortam o rebanho pelas redes sociais a não deixar de participar dos cultos religiosos.

Vários pastores da Igreja do Evangelho Quadrangular gravaram vídeos em seus perfis, que vêm sendo espalhados na redes sociais, induzindo os membros de suas congregações a não deixarem de ir às celebrações, mesmo com todas as instruções do Ministério  da Saúde, Secretaria Estadual de Saúde para evitar grandes aglomerações.

Pelo Facebook e Instagram, a pastora Ray Tavares afirma que está cumprindo com o decreto governamental, que recomenda que os eventos sejam realizados somente com até 500 pessoas. Nas imagens de um culto para mulheres, que ela realizou no grandioso templo da IEQ na Cidade Nova,  denominada Labareda de Fogo, constata-se um grande número de senhoras idosas e de outras idades no mesmo local.

Celebração na quarta-feira, 18 na Labareda de Fogo na Cidade Nova 

Na página oficial da igreja há um comunicado, em que informam que serão fornecidos álcool em gel na entrada da igreja e que algumas celebrações foram canceladas. Mas, outros cultos serão mantidos, como a celebração de jovens e ainda, que vão aumentar o número de cultos semanais e reduzir o número de pessoas por cada um deles.

“Através de um controle de entradas, limitaremos os nossos cultos ao número máximo de 500 pessoas. Sendo assim, os cultos de segunda a sábado permanecerão normais e nos mesmos horários por não alcançarem o limite máximo de pessoas estabelecido”, diz o comunicado.

Outro pastor da IEQ em Ananindeua, Nazareno Queiroz, ousa mais ainda. Além de gravar vídeos chamando os membros da congregação a participar das celebrações, nesta sexta-feira, 20, ele postou fotos no facebook com a bíblia no rosto com a frase: “Minha máscara contra todas epidemias”. No vídeo que está em seu perfil ele proclama: “Sai da tua casa, vem pra igreja. Igreja aberta em tempo e fora de tempo…” 

Outras denominações cristãs evangélicas como as igrejas Batista e Cristã Evangélica, por exemplo, a liderança nacional e estadual recomendaram a suspensão das atividades. Em muitas congregações, as celebrações estão sendo realizadas on line  pelas redes sociais.

Em Belém, a Arquidiocese Católica determinou a suspensão das missas por tempo indeterminado.

Fonte: Roma News