Mangueira, Grande e Viradouro foram os grandes destaques do primeiro dia de desfiles do Grupo Especial do carnaval do Rio de Janeiro. As outras escolas a desfilar na noite do domingo, 23, foram Estácio do Sá, Paraíso do Tuiuti, Portela e União da Ilha.

Nesta segunda-feira, 24, mais seis escolas voltam à Sapucaí: São Clemente, Vila Isabel, Salgueiro, Unidos da Tijuca, Mocidade e Beija-Flor.

Mangueira

Com uma estátua gigante mostrando um jovem Jesus negro e crucificado, a Mangueira, que busca o bicampeonato, desfilou com uma releitura crítica da vida de um Jesus Cristo nascido em uma comunidade. No carro abre-alas o presidente de honra da escola, Nelson Sargento, e a cantora Alcione representaram José e Maria. Além disso, o desfile fez referências a indígenas, mulheres e membros da comunidade LGBT.

Grande Rio

A Grande Rio contou a história do pai de santo Joãozinho da Gomeia, mas teve problemas com dois carros, que podem diminuir as notas em quesitos como evolução e harmonia.

Viradouro

A Viradouro fez um desfile que exaltou as mulheres negras de Salvador. O enredo “Viradouro de alma lavada” falou sobre as Ganhadeiras de Itaupã, quinta geração de lavadoras de roupa na Lagoa do Abaeté.

Fonte: G1