Diogo Cardoso Mascarenhas, conhecido como Durox, e sua companheira, Maria Aparecida Alves de Almeida, foram presos em flagrante no final da tarde desta terça-feira (11), pela Polícia Civil de Redenção, no sudeste do Pará, pelos crimes de roubo e tráfico de drogas. Na residência dos acusados foram encontrados um revólver calibre 38, seis munições, 500 gramas de maconha, 62 gramas de cocaína e uma balança de precisão, além de sacos plásticos para embalar as drogas.

De acordo com informações da Polícia Civil, Durox teria assaltado uma casa, por volta das 17h, em companhia de outro homem, ambos em uma motocicleta, de capacetes e calça jeans, que entraram na casa com uma arma de fogo em punho e roubaram um cordão de ouro e um aparelho celular da vítima. A vítima compareceu à delegacia e acompanhou a equipe de policiais civis para indicar a casa do suspeito.

Quando passaram em frente à casa de Durox, a vítima reconheceu a motocicleta utilizada no assalto, e os policiais chamaram pelo suspeito. Ele teria saído com as mãos para cima, mas logo depois, pulou o muro de sua casa e saiu correndo, utilizando as casas vizinhas como rota de fuga. Os policiais conseguiram capturá-lo, e após ser detido, Durox informou que o assalto foi arranjado por Gabriel Martins, e que estava na companhia de Marcos, mais conhecido como Japonês, na hora do roubo.

Após deter Durox, a equipe policial retornou à casa dele prendeu em flagrante sua companheira, Maria Aparecida Alves de Almeida, na posse de grande quantidade de drogas e de uma arma. O autor intelectual do crime, Gabriel Martins, foi encontrado nas proximidades da avenida Araguaia e encaminhado à Depol para as devidas providêcias.

Fonte: Jornal Amazônia