Após a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF), no último dia 31 de janeiro, que confirmou a cassação do prefeito de Alenquer, Juraci Estevam (PPS), por improbidade administrativa, o novo gestor da cidade, Josino Alves da Costa (PP), exonerou, nesta segunda-feira (3), secretários, técnicos e coordenadores que ocupavam cargos de confiança. Josino era vice de Juraci.

A reportagem já fez contato com o ex-prefeito Juraci Estevam e com o atual gestor, Josino Alves da Costa, e aguarda posicionamento.

Foram exonerados os secretários de Planejamento e Finanças, Cultura e Turismo, Assistência Social, Governo, Infraestrutura e Serviços Urbanos, Administração, Meio Ambiente, Agricultura e Abastecimento, Educação e Saúde.

A decisão no STF foi assinada pelo ministro Alexandre de Moraes, que acatou pedido da Câmara Municipal de Alenquer tornando sem efeito a liminar concedida pelo TJ/PA em favor de Juraci, e restabelecendo o decreto legislativo da Câmara, que cassou o prefeito por improbidade administrativa.

Fonte: O Liberal.