A passagem de Bruno Gagliasso pela novela “O Sétimo Guardião” não foi tão boa aos olhos da Globo. De acordo com o colunista Daniel Castro, do “Notícias da TV”,  o ator, demitido em novembro passado, teria se dedicado menos do que o esperado e teve “meu comportamento” durante a novela.

Fontes do colunista contaram que Bruno curtiu postagens nas redes sociais em que os telespectadores criticavam a história, o que foi considerado falta de profissionalismo.

Os últimos papeis do ator em produções globais foram na série “Dupla Identidade”, de 2014, depois nas novelas “Babilônia”, “Sol Nascente” e “O Sétimo Guardião”. Bruno não se destacou em nenhuma delas. A TV carioca teria entendido que ele não queria mais fazer novelas e isso estaria atrapalhando seu desempenho. 

Após o final de “O Sétimo Guardião”, foi decidido que seu salário não seria renovado. A decisão estaria em acordo com a nova política da emissora: não manter profissionais que ganham muito e trabalham pouco.

As informações são de O Liberal.