O cantor country americano David Olney, de 71 anos, estava se apresentando no último sábado (18) em Santa Rosa Beach, na Flórida (EUA), quando sofreu um infarto no palco. Ele chegou a ser socorrido por um fã, que é médico, mas não resistiu e morreu no local.

Outra artista, Amy Rigby, também estava participando do festival 30A Songwriters e escreveu no Facebook sobre o ocorrido:

“Olney estava no meio de sua terceira música quando ele parou, pediu desculpas e fechou os olhos. Ele ficou parado, sentado em pé com a guitarra. No começo parecia que ele só estava tendo um momento para ele. Um médico na plateia se esforçou para que ele não partisse. É difícil postar sobre isso porque eu não posso acreditar que ele tenha ido. Sinto muito por esposa, família, amigos e todas as pessoas que o amavam e a sua música. Mesmo aqueles que nunca ouviram falar dele. Todos nós perdemos alguém importante ontem à noite.”

Além de cantor, Olney também era compositor. Suas canções já foram gravadas por artistas como Linda Ronstadt, Steve Young e Emmylou Harris. Para a revista Rolling Stone, ele era “pioneiro da música americana”.

“David era amado e altamente respeitado por todos que o conheciam, incluindo seus colegas músicos e sua multidão fiel de fãs”, disse Russell Carter, produtor do 30A Songwriters Festival, no Facebook