A adolescente Renara Cunha da Silva, de apenas 14 anos, morreu em um acidente no começo da tarde desta quinta-feira (16), em Bragança, litoral nordeste paraense. A jovem foi eletrocutada quando subiu em uma árvore para colher ameixas, morrendo no local.

O caso foi pouco depois do meio-dia em um sítio na vila de São João do Enfarrusca, zona rural de Bragança. A menina e outras amigas estavam subindo na ameixeira que, segundo familiares da vítima, fica perto da rede elétrica. Quando a jovem estava no topo, ela tomou uma forte descarga elétrica e caiu da árvore, morrendo pouco depois.

Segundo os moradores da pequena comunidade, eles já haviam solicitado para a concessionária de energia elétrica a retirada do cabo energizado entre as árvores. A morte de Renara foi comunicada à Delegacia de Polícia Civil de Bragança, e investigadores foram até o local. O corpo da adolescente foi removido ao Instituto Médico Legal (IML) de Bragança, onde funciona um núcleo avançado da instituição.