As tardes têm sido de chuva mais uma vez na capital paraense. Na última segunda-feira, 9, vários pontos de alagamento foram registrados na cidade, como na avenida João Paulo II, onde a situação é recorrente sempre que chove. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a frequência de precipitação deverá se intensificar a partir desta segunda semana de dezembro, causando chuvas esparsas em quase toda Região Metropolitana de Belém (RMB) durante todo o mês, que deverão ocorrer principalmente no período da tarde e início da noite.

O mês de dezembro tem apresentado um índice de chuvas ligeiramente acima do normal em Belém, ou seja, acima de 268,33 milímetros. Segundo a chefe da Seção de Análise e Previsão do Tempo do 2º Disme/Inmet,  Aylci Nazaré Ferreira de Barros, os modelos climatológicos do Inmet indicam chuvas todos os dias durante o mês de dezembro, com a temperatura máxima variando entre 29ºC a 32ºC, e a mínima entre 23ºC e 24ºC em toda a região.

A intensidade dessas chuvas deve ser maior até o dia 17 de dezembro, mas mesmo após esta data, a frequência não deve diminuir, já que nos próximos meses, de janeiro até maio, Belém entra em seu período chuvoso, então a previsão é de que as chuvas ocorram normalmente, quase todos os dias, alguns dias até pela parte da manhã. “Os dias, quando elas se intensificarem, devem amanhecer nublados e parcialmente encobertos por chuva”, explica a especialista. “Isso ocorre por causa dos sistemas de brisa que avançam, que vêm do oceano”.

Para o dia de Natal, o Inmet informa que ainda não há uma previsão concreta, já que a distribuição de chuva costuma alterar de vez em quando, principalmente nesta época. “O natal, como é tanto pro dia 24 quanto pro dia 25, aí a gente vai divulgar essa previsão mais próximo da data, uma previsão com mais exatidão. Mas essas chuvas devem sim continuar ocorrendo no final da tarde e à noite”, finaliza Aylci.