Divulgação

A população de Portel se manifestou, nesta quinta-feira (28), em frente a Câmara Municipal após a casa legislativa manter o mandato do vereador Emerson Lobato e arquivar a denúncia contra ele.

Emerson Lobato se envolveu em uma polêmica após aparecer em um vídeo, falando que ia faltar um mês de trabalho, juntamente com a esposa, Miriam Silva dos Santos, que é servidora municipal, e que os dois não levariam falta ou teriam os salários descontados, porque ele é líder do governo.

Após a sessão, o vereador precisou sair escoltado por homens da Polícia Militar. Nas imagens, o político é atacado pela população, que atira ovos e objetos contra ele no momento em que deixa a casa legislativa.